Secretaria investirá R$ 6,3 milhões na construção de Colégio da Polícia Militar em Jequié

militar

A Secretaria da Educação do Estado vai investir cerca de R$ 6,3 milhões na construção de uma nova Unidade Escolar que sediará o Colégio da Polícia Militar Professor Magalhães Neto, no município de Jequié. O edital de concorrência pública já foi publicado no Diário Oficial e a licitação, na modalidade de concorrência pública, está marcada para o dia 21 de agosto, às 10h, na sede do órgão, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador.

Leia mais

Últimos dias de inscrição para cursos do MedioTec na rede estadual

Terminam nesta quinta-feira (20) as inscrições para 2.224 vagas ofertadas pela Secretaria da Educação do Estado em 31 cursos da nova modalidade de Educação Profissional e Tecnológica: o MedioTec. Esta oferta é dirigida aos estudantes matriculados no 2º ano ou 3º ano do Ensino Médio, que poderão fazer o curso técnico no turno oposto aos quais fazem o ensino regular. As vagas são para 51 municípios e as inscrições, nos diferentes eixos tecnológicos, ocorrerem, exclusivamente, pelo Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br).

O programa é uma ação do Ministério da Educação, no âmbito do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). O objetivo é proporcionar aos estudantes uma formação profissional e ampliar as chances de inserção no mundo do trabalho, seja com o emprego formal ou por meio do empreendedorismo. Entre os cursos ofertados estão os técnicos em: Agronegócios, Agroecologia, Agroindústria, Administração, Aquicultura, Hospedagem, Guia de Turismo, Teatro, Canto, Dança, Eventos, Cenografia, Instrumento Musical, Agenciamento de Viagem, Pesca, Recursos Pesqueiros, Controle Ambiental, Cozinha, Zootecnia, Computadores, Telecomunicações, Redes de Computadores, Informática, Artesanato, Museologia, Controle Ambiental, Qualidade, Automação Industrial, Produção de Áudio e Vídeo.

O superintendente da Educação Profissional e Tecnológica do Estado, Durval Libânio, destaca que o MedioTec “é uma oportunidade para os alunos que, inicialmente, não optaram pela Educação Profissional, terem uma nova chance após um período de amadurecimento. A oferta possibilita que o aluno tenha uma formação do Ensino Médio aliada ao ensino técnico, abrindo mais perspectivas para o mundo do trabalho”, explica.

Inscrições – O processo seletivo inclui sorteio eletrônico, que ocorre no dia 24 de julho, no qual concorrerão todos os inscritos. Para alguns cursos do eixo tecnológico Produção Cultural e Designer, os primeiros classificados no sorteio eletrônico para o número de vagas ofertadas irão fazer um teste de habilidades específicas, no período de 26/7 a 2/08. No mesmo período está programada a matrícula e entrevistas (quando houver) para todos os cursos. Para tanto, os classificados devem se dirigir aos Centros de Educação Profissional e unidades compartilhadas para os quais se inscreveram. É preciso levar o original do Histórico Escolar ou atestado escolar atualizado; originais e cópias da Cédula de Identidade, do CPF e do comprovante de residência.

Bolsa Família: Escolas têm até 30 de junho para o cadastro da frequência dos estudantes

bolsa

A Secretaria da Educação do Estado, por meio da Coordenação Estadual do Programa Bolsa Família, convoca todas as escolas da capital e do interior para a realização do cadastro bimestral do registro da frequência escolar dos seus estudantes, referente ao período de abril a maio de 2017. Nesta segunda fase do calendário de acompanhamento, o prazo se encerra no dia 30 de junho (sexta-feira). A coleta da Condicionalidade da Educação é realizada pelo Sistema Presença do Ministério da Educação e tem como objetivo acompanhar a vida escolar do estudante pertencente de família beneficiária do Programa Bolsa Família.

“É necessário que todas as escolas do Estado – sejam elas federais, estaduais, municipais ou particulares – registrem no sistema a frequência escolar das crianças e adolescentes com faixa etária entre 6 a 17 anos, matriculadas na unidade. Considerando que as unidades devem informar, pelo menos, 85% da frequência das crianças de 6 a 15 anos de idade e 75% da frequência dos jovens de 16 e 17 anos”, explica o coordenador estadual do Programa Bolsa Família, Marcos Pinho. Ele ressalta que muitos municípios ainda não realizaram ou não concluíram o cadastro e isto implica na garantia de benefícios para a descentralização dos recursos para essas cidades.

As Condicionalidades no Programa Bolsa Família são instrumentos de promoção e fortalecimento da gestão intersetorial e garantias de qualidade do programa e do Cadastro Único. Corresponde a uma forma de medir a cobertura e o acompanhamento das condicionalidades da Educação e da Saúde, refletindo no desempenho de cada gestão municipal. Na Condicionalidade da Educação, o Índice de Gestão Descentralizada dos Municípios (IGD-M) participa com 25%. É a partir desses índices que os valores são calculados e os recursos financeiros são repassados aos municípios diretamente do Fundo Nacional de Assistência Social para os Fundos Municipais de Assistência Social, respectivamente.

Bolsa Família – Trata-se de um programa que contribui para o combate à pobreza e à desigualdade no Brasil. Foi criado em outubro de 2003 e faz parte do Plano Brasil Sem Miséria, reunindo diversas iniciativas para permitir que as famílias deixem a extrema pobreza, com efetivo acesso a direitos básicos e a oportunidades de trabalho e de empreendedorismo. A gestão do programa é descentralizada, ou seja, tanto a União, quanto os Estados, o Distrito Federal e os municípios têm atribuições em sua execução.

O Programa Bolsa Família –  previsto na Lei Federal nº 10.836/2004 e regulamentado pelo Decreto nº 5.209/2004 – possui três eixos principais: complemento da renda, acesso a direitos e articulação com outras ações.  Todos os meses, as famílias atendidas pelo Programa recebem um benefício em dinheiro, que é transferido diretamente pelo Governo Federal. Para isso, as famílias devem cumprir alguns compromissos (condicionalidades), que têm como objetivo reforçar o acesso à Educação, à Saúde e à Assistência Social, bem como a integração e a articulação de várias políticas sociais, a fim de estimular o desenvolvimento das famílias, contribuindo para elas superarem a situação de vulnerabilidade e de pobreza.

Inscrições do Concurso de Escritores Escolares são prorrogadas

redacao01

Estudantes do ensino Fundamental e Médio de todo estado – público e privado – tem mais duas semanas para se inscrever na quarta edição do Concurso de Escritores Escolares, projeto de iniciativa da Diretoria do Livro e da Leitura, vinculada à Fundação Pedro Calmon (FPC). As inscrições são gratuitas e devem ser feitas até 28 de junho.

Os documentos e textos para serem inscritos devem ser levados – das 9h às 12h e das 14h às 17h – à sede da fundação, em Salvador, ou enviados pelos Correios, com Aviso de Recebimento (AR). Serão aceitas redações ou poesias. A temática é livre, mas os textos precisam ser inéditos (não podem ter sido escritos e utilizados em outras publicações, concursos ou veiculados de alguma maneira).

Com a prorrogação, a Fundação Pedro Calmon espera atingir um número superior ao do ano passado – mais de 500 redações e poesias de 40 municípios baianos. Como novidade desta quarta edição, quem faturar os primeiros lugares nas categorias levará um notebook e um kit contendo 50 livros; já o segundo lugar será contemplado com um tablet e um kit com 40 livros. O terceiro lugar levará um leitor de e-book e um kit com 30 livros.

O prêmio também será estendido às escolas e aos professores. A unidade que tiver mais estudantes inscritos e o/a professor/a que mais se destacar durante o processo de inscrição receberão menção honrosa. O regulamento pode ser acessado no site da Fundação Pedro Calmon.

Fonte – Ascom

Secretaria abre processo seletivo para capacitadores do Pronatec

pronatec-2017

A Secretaria da Educação do Estado divulga edital para o Processo Seletivo de servidores estaduais para atuar como capacitadores do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Poderão participar profissionais do magistério que lecionam na educação básica e/ou técnica profissional e também outros servidores de todas as secretarias do Estado que possuam graduação e comprovada experiência em formação profissional. Os profissionais irão atuar nos cursos técnicos de nível médio e de qualificação (formação inicial e continuada) na ação da Bolsa de Formação do Pronatec. Os interessados devem fazer a inscrição entre os dias 14 e 26 de junho. A seleção destina-se para formação de cadastro reserva.

Leia a integra do edital

 

Os interessados devem preencher e imprimir a ficha de inscrição e as declarações de disponibilidade, assim como, de habilidades e conhecimentos, juntamente com o Curriculum Vitae e os documentos solicitados. O material deve ser enviado, via Sedex, para o endereço Avenida Luiz Viana Filho, 5ª Avenida, 550, CAB Salvador, na SUPROF, sala nº 218-B.

Minuta do edital atualizado

Secretaria inscreve para sorteio eletrônico de cursos de Agroecologia, Aquicultura, Administração e Redes de Computadores

Começam nesta quinta-feira (15) as inscrições para a criação das primeiras turmas dos cursos técnicos de Administração, de Redes de Computadores e de Aquicultura da rede estadual. Ao todo, serão ofertados 290 vagas para os três cursos.

Para o curso técnico de nível médio em Redes de Computadores, voltado para estudantes do 2º ano do Ensino Médio. Serão ofertadas 80 vagas, com aulas realizadas no Colégio Estadual Luiz Tarquínio, no bairro de Boa Viagem. O curso é uma parceria da Secretaria da Educação do Estado e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), e terá carga horária de 1000h divididos em três semestres. As inscrições podem ser realizadas até o dia 28 de junho, no endereço http://www3.sec.ba.gov.br/sisec/sorteio/.

Secretaria da Educação do Estado divulga lista de contemplados para o cursinho Universidade para Todos

UP
A Secretaria da Educação do Estado divulgou, nesta quarta-feira (14), a lista dos estudantes contemplados para o curso Universidade Para Todos (UPT), que é preparatório para o vestibular e para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). São ofertadas 16.400 vagas para Salvador e mais 228 localidades da Bahia, nos 27 Territórios de Identidade. A ação é desenvolvida em parceria com as universidades estaduais UNEB, UEFS, UESB e UESC. A lista está disponível no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br).
 
A seleção foi feita através das médias de Português e de Matemática que foram lançadas pelos candidatos no ato da inscrição e que serão conferidas no ato da matrícula. A matrícula será realizada entre os dias 3 a 7 de julho, no local e turno que o aluno optou para estudar. Para se matricular, é preciso apresentar cópia e original do CPF, RG, comprovante de residência, além do Histórico Escolar do Ensino Médio e do Ensino Fundamental II. As aulas começam no dia 3 de julho e vão até dezembro de 2017.
 
O curso é voltado para egressos do Ensino Médio das redes estadual ou municipal do Estado da Bahia e para estudantes das redes públicas estadual ou municipal matriculados, em 2017, nas seguintes situações:  3º ano do Ensino Médio Regular ou suas modalidades correspondes, do 4º ano da Educação Profissional Integrada ao Ensino Médio ou suas modalidades correspondentes. Todos estes estudantes precisam ter concluído o Ensino Fundamental II (5ª à 8ª séries, atual 6º ao 9º ano ou modalidades correspondentes), e a 1ª e 2ª séries do Ensino Médio Regular ou modalidades correspondentes nas redes estadual ou municipal no Estado da Bahia. 
 
Mais sobre o UPT – O UPT oferece aulas regulares, de segunda a sexta-feira, de Português, Redação, Matemática, Física, Química, Biologia, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), História e Geografia, além de atividades complementares como seminários, oficinas, revisão para o ENEM, aulões, simulados e orientação vocacional. O curso oferece, ainda, material didático, fardamento e isenção da taxa de inscrição em processo seletivo das universidades estaduais aos alunos que apresentarem frequência igual ou superior a 75% das aulas ministradas.
Foto: Geraldo Carvalho

Estudantes do CEEP de Jequié auxiliam crianças no cuidado com a saúde bucal

07.06_Saúde Bucal_CEEP Jequié 4

Com muitas brincadeiras, contação de história e munidos de um lúdico material didático, elaborados por eles próprios, os estudantes do curso técnico em Saúde Bucal do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) em Gestão e Tecnologia da Informação Régis Pacheco, no município de Jequié (365 km de Salvador), no Sudeste do Estado, realizaram uma intervenção social na comunidade local, nesta quarta-feira (7). Nos dois turnos, matutino e vespertino, os alunos permaneceram na Creche Municipal Senhor do Bonfim, onde crianças de um a três anos foram estimuladas a cuidar da higiene e saúde bucal.

A iniciativa, explicam os alunos, teve o objetivo de conscientizar a comunidade infantil sobre a higiene bucal como uma prática necessária para manter os dentes e gengivas limpos e saudáveis, evitando problemas dentários como tártaro, gengivite, periodontite, cárie e outras doenças. A atividade contribui para que os estudantes aliem teoria e prática e reconheçam o valor social da futura profissão.

07.06_Saúde Bucal_CEEP Jequié 12

A estudante Gabriela Alves, 18, primeiro semestre, fala do impacto da atividade extraclasse. “Estou muito feliz por ter participado desta ação por se tratar de uma atividade de interatividade com o público, com quem iremos atuar quando formos trabalhar em consultórios odontológicos. Hoje, como lidamos com crianças muito pequenas, a didática foi diferenciada, na base da ludicidade, da brincadeira para atrair a atenção delas, que ficaram empolgadas com a atividade”, disse.

Sob a supervisão do vice-diretor do CEEP, o professor da disciplina Educação e Saúde Bucal e cirurgião dentista Dejair Marques, os estudantes do curso técnico levaram para as salas da creche os nove tipos de books confeccionados por eles, contendo algumas orientações básicas, com destaque para a prevenção, que é a maneira mais econômica, menos dolorida e menos preocupante de se cuidar da saúde bucalDesse modo, explica o educador, temas a exemplo de como escovar corretamente os dentes; como surge e como evitar a cárie; como usar o fio dental e quais os alimentos cariostáticos (bons) e os cariogênicos (ruins) para os dentes estão abordados nas coloridas cartilhas, muitas delas em formato de dente.

 O professor Djair Marques explica que alguns books trazem historinhas criadas pelos alunos, com o objetivo de despertar nas crianças da comunidade do entorno o interesse por cuidar da higiene e saúde bucal. “No nosso trabalho no CEEP, envolvemos sempre a população dentro de uma iniciativa de viabilidade social. Os estudantes, por sua vez, colocam em prática o aprendizado teórico, destacando que procuramos formar profissionais que sejam formadores de boas práticas, corresponsabilizando a comunidade em relação à sua saúde bucal”, enfatizou.

Fotos: Divulgação

Acesse mais fotos relacionadas à esta matéria:

https://www.flickr.com/gp/todospelaescola/oC4DM0

 

Divulgado resultado preliminar da seleção REDA para a Educação

O resultado preliminar do Processo Seletivo Simplificado para a contratação de professores e profissionais da Educação, por meio do Regime Especial de Direito Administrativo (Reda), foi divulgado, nesta segunda-feira (29). As provas foram realizadas no dia 7 de maio nos 27 territórios de identidade da Bahia. O resultado preliminar está disponível no site (www.ibrae.com.br). Na página, o candidato deve acessar o menu concurso e depois o link referente à função para a qual ele concorreu.

O candidato poderá, dentro do prazo de dois dias a contar desta segunda-feira (29), interpor recurso contra o resultado preliminar divulgado para o seguinte e-mail: ibrae.concurso.ba.3@gmail.com. O resultado final deverá ser divulgado na primeira semana de junho e a convocação acontecerá até o início de julho. A previsão é a de que estes profissionais comecem a trabalhar no segundo semestre.

thumbnail_Foto-Elói-CorrêaGOVBA-300x200

 Vagas 

A seleção visa a contratação de 2.485 professores da Educação Básica, Educação no Campo e mais 215 vagas para professor Indígena. O processo seletivo também envolve 961 vagas para a função de técnico de nível médio/mediador para o Ensino Médio com Intermediação Tecnológica (Emitec).

São ofertadas, ainda, 519 vagas destinadas a professores da Educação Profissional e Tecnológica e 211 vagas iniciais e imediatas para professor substituto da Educação Básica e mais 2.243 vagas que poderão vir a surgir ao logo do ano letivo e enquanto durar a validade do processo seletivo. São mais 157 vagas para preceptor de estágio de Enfermagem das unidades da Educação Profissional e Tecnológica e mais 655 vagas da Educação Especial, destinadas a técnicos de atendimento educacional especializado, tradutor/intérprete de Libras, cuidador educacional, braillista e instrutor de Libras.

Foto: Elói Corrêa/GOVBA

Saeb publica nesta quinta-feira (1°) instrução normativa para feriados de junho

Os servidores estaduais baianos conheceram nesta quinta-feira (1°) as orientações do Estado para a compensação de horas não trabalhadas no expediente de 16 de junho (dia posterior ao feriado de Corpus Christi) e 23 de junho (véspera do feriado de São João). A publicação da Secretaria da Administração (Saeb) ficou disponível no Diário Oficial do Estado (DOE) do dia primeiro deste mês.

De acordo com o documento, a compensação do dia 16 será efetuada de 5 a 14 de junho, para servidores com jornada de trabalho de oito horas diárias. Durante o período, o expediente destes servidores será das 8h às 18h, iniciando meia hora mais cedo e com redução de trinta minutos no horário do almoço – sendo respeitado o intervalo de uma hora para a refeição. Os servidores submetidos ao turno único de trabalho irão compensar as horas não trabalhadas de 5 a 12 de junho, das 11h às 18h.

Já a compensação pelo dia 23, véspera de São João, será cumprida de 19 a 29 de junho – para servidores que cumprem jornada de oito horas diárias. Aqueles que cumprem apenas o turno único de trabalho devem cumprir a efetuar a compensação de 19 a 27 de junho. Serão seguidas as mesmas regras, com relação ao início e final de expediente, já observadas para a compensação de 16 de junho, dia posterior ao feriado de Corpus Christi.

Os dirigentes dos órgãos e entidades do Poder Executivo Estadual, juntamente com as chefias imediatas dos servidores, serão responsáveis pelo cumprimento da compensação e do estabelecido pela Instrução Normativa. Os transportes coletivos que circulam no Centro Administrativo da Bahia (CAB) terão os seus horários adequados para atender aos usuários.

Fonte: Ascom – Saeb