Virtual Educa Bahia 2018 terá apresentações de pesquisadores brasileiros e estrangeiros

Virtual_Pinheiro

O XIX Encontro Internacional Virtual Educa (Virtual Educa Bahia 2018), um dos maiores encontros internacionais de tecnologia aplicada à Educação da América Latina, que será realizado pela primeira vez na Bahia, de 4 a 8 de junho, contará com a participação de renomados palestrantes brasileiros e estrangeiros. São professores, escritores e pesquisadores que estudam a Educação e a sua relação com as mais diferentes áreas do conhecimento, como a Tecnológica, e estão vinculados a instituições de ensino em várias partes do mundo.

Dentre as presenças já confirmadas está Vani Moreira Kenski, doutora e mestre em Educação, vice-presidente da Associação Brasileira de Educação a Distância e professora da Universidade de São Paulo (USP). Kenski é autora de livros, como ‘Educação e Tecnologias o novo ritmo da informação e Tecnologias’. Robson Lemos é outro palestrante. Ele é professor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), doutor pela University of Calgary, no Canadá, mestre pela UFRGS e graduado em Ciência da Computação pela UFSC, e pesquisador de Interação Humano-Computador e Tecnologias Interativas para Educação.

Entre os pesquisadores estrangeiros, Ruth Contreras é PhD pela Universidade da Catalunha, na Espanha, na área de Engenharia Multimídia e aprendizagem baseada em novas tecnologias, co-fundadora e coordenadora do Observatório de Comunicação, Videogames e Entretenimento da InCom-UAB-Uvic, professora da Universidade Vic-Central da Catalunha e da ENTI-Universidade de Barcelona e diretora da revista Digital Work. Já a pesquisadora Ana Isabel Veloso é doutora em Ciências e Tecnologias da Comunicação na Universidade de Aveiro, em Portugal, com mestrado em Engenharia Biomédica e licenciatura em Engenharia Informática pela Universidade de Coimbra, no mesmo país. Professora da Universidade de Aveiro, ela é presidente da mesa da assembleia da Sociedade Portuguesa dos Videojogos (SPCV) e pesquisa temas como a Comunicação em contextos de mediação tecnológica, design participativo e videojogos.

O Virtual Educa contará, também, com a participação de educadores da Bahia, como o professor Naomar de Almeida Filho, que é professor titular de Epidemiologia no Instituto de Saúde Coletiva da UFBA, médico, mestre em Saúde Comunitária, Ph.D. em Epidemiologia e doctor of Science Honoris Causa pela McGill University, Canadá. Naomar é professor visitante nas seguintes universidades: Universidade da Carolina do Norte, em Chapel Hill, Universidade da Califórnia em Berkeley, Universidade de Montreal e Universidade Harvard, ex-reitor da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) e da UFBA. É pesquisador em diversas áreas, incluindo a interação entre os Ensinos Superior e Básico e bolsista de produtividade 1A do CNPq.

Com o tema “Educação para transformar a sociedade em um espaço multicultural único”, o Vitual Educa acontecerá no novo Centro de Formação e Eventos da Secretaria da Educação do Estado da Bahia, a ser inaugurado no antigo ICEIA, no bairro do Barbalho, em Salvador. Paralelamente, o Virtual Educa envolverá o Fórum Global de Educação e Inovação “Cooperação Sul-Sul”, voltado para representantes governamentais e de instituições internacionais, a ser realizado no Porto de Salvador.

Segundo o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, o Virtual Educa possibilitará que educadores e estudantes da Bahia possam apresentar as experiências que são desenvolvidas em sala de aula. “Com a participação de grandes personalidades da Educação, os nossos estudantes e professores terão, inclusive, a chance de conhecer o que está sendo feito em outros países, acessando conteúdos que venham fortalecer o pedagógico das nossas escolas”, afirmou.

Inscrições: Quem desejar participar do evento precisa se inscrever, até 20 de maio, através do link <virtualeduca.org/bahia2018/inscripcion/>. Para professores e profissionais de Educação das redes municipal, estadual e federal do Estado da Bahia as inscrições são gratuitas. Inscrições também estão abertas, até 30 de abril, para os educadores e pesquisadores que desejarem apresentar trabalhos acadêmicos durante o Virtual Educa. As inscrições devem ser feitas pelo endereço:  <virtualeduca.org/encuentros/bahia2018/PT/ponencias>. A seleção dos trabalhos será feita por uma comissão científica internacional. O resultado final dos selecionados será publicado no dia 11 de maio.

Escolas têm até esta sexta para cadastro na Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente

Centro Educacional Monteiro Lobato

Os gestores, professores e coordenadores pedagógicos das escolas do Estado da Bahia deverão cadastrar os projetos ambientais elaborados nas unidades escolares para a V Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente. Para as escolas, do sexto ao nono ano do Ensino Fundamental, que já fizeram conferência escolar, o prazo para preencher o formulário se encerra nesta sexta-feira (20). As experiências deverão ser descritas no site do Ministério da Educação (MEC):  http://formularios2.mec.gov.br/formulario-v-cnijma

O coordenador de Educação Ambiental e Saúde da Secretaria da Educação do Estado, Fábio Barbosa, falou sobre a necessidade da observância dos prazos. “É importante destacar que caso não realizem o cadastramento no site do MEC, as escolas não poderão participar das etapas posteriores. Por isso, é fundamental o empenho de toda a comunidade escolar neste processo. A Bahia vem sendo destaque nas últimas edições da Conferência e precisamos continuar dando visibilidade, cada vez mais, as ações que acontecem no chão da escola”, afirmou, ao acrescentar que, até o momento, quase mil escolas na Bahia, das redes estadual, municipais e particulares, já realizaram suas conferências escolares.

Ensino Médio – Já as escolas da Educação infantil, dos anos iniciais do Ensino Fundamental, e do Ensino Médio têm até o dia 30 de abril para fazer o registro do processo em formulário próprio pelo endereço: http://formularios2.mec.gov.br/registro-da-conferencia-na-escola-v-cnijma-fora-do-regulamento

Sobre a Conferência – Com o tema “Vamos Cuidar do Brasil Cuidando das Águas”, a V Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente (CNIJMA) tem o objetivo de mobilizar a comunidade escolar para realizar processos educativos, por meio da participação social, sobre a dimensão socioambiental da água. A V Conferência Nacional acontece em quatro etapas. Na primeira, a conferência escolar, os alunos elaboraram um projeto de ação com foco na dimensão socioambiental da água. Na Bahia, a III Conferência Estadual Infantojuvenil pelo Meio Ambiente apresenta como tema: “As Escolas da Bahia cuidando das águas” e está em andamento com a etapa escolar.

Foto: Ilustração/ Divulgação

Secretaria da Educação do Estado convoca aprovados em seleção REDA para diferentes funções

Volta as Aulas 2015 - Col. Mestre Paulo dos Anjos (42)

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia está convocando os candidatos aprovados nos processos seletivos realizados pelo Regime Especial de Direito Administrativo (REDA). Nesta quinta-feira (19), foram publicados editais no Diário Oficial do Estado (DO) para diferentes funções: técnico de nível médio/ mediador do Ensino Médio por Intermediação Tecnológica (EMITEC), professor da Educação Básica (substituto), professor da Educação Básica e Básica do Campo, preceptor de Estágio de Enfermagem e pessoal para a Educação Inclusiva, nas funções de: Técnico de Atendimento Educacional Especializado (Técnico AEE), Tradutor/intérprete de LIBRAS.

A orientação é para que os aprovados e convocados compareçam, imediatamente, ao Núcleo Territorial de Educação (NTE) para os quais foram selecionados. No caso da Região Metropolitana de Salvador, os convocados deverão comparecer à sede da Secretaria da Educação do Estado, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), sala 138, para a apresentação dos documentos necessários à contratação. Os editais de convocação podem ser conferidos no Portal da Educação: http://institucional.educacao.ba.gov.br/selecaoconcursos

Agente de portaria – A Secretaria da Educação do Estado também divulgou, no Diário Oficial, desta quinta-feira (19), a lista dos candidatos classificados e desclassificados para a função de agente de portaria. Os mesmos terão dois dias úteis subsequentes à publicação no DO para realizar a interposição dos recursos. A ação pode ser feita via internet, através do endereço eletrônico: curso.inscricao@educacao.ba.gov.br, ou por meio do Setor de Protocolo da Secretaria da Educação do Estado da Bahia, localizada na Avenida 5 , nº 550, Superintendência de Recursos Humanos da Educação – SUDEPE/DIPES, 1º andar, sala 123, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. O documento do recurso deve constar o endereço para correspondência, telefone, e-mail e assinatura do candidato.

Após a homologação do resultado final, os candidatos aprovados para agente de portaria serão convocados conforme distribuição de vagas, por meio de edital a ser publicado no DOE. Os critérios seguem segundo a opção de função temporária por Núcleo Territorial da Educação (NTE), unidade escolar e município observando rigorosamente a ordem de classificação final do Processo Seletivo Simplificado (lista de ampla concorrência, lista de candidatos negros e lista de candidatos com deficiência).

 

Foto: Ilustração/ Claudionor Junior

Obras estudantis serão expostas no I Fórum de Arte: ensino e formação na UNEB

1 (18)

Dez obras de artes de autoria de estudantes da rede estadual participantes do projeto Artes Visuais Estudantis (AVE), da Secretaria da Educação do Estado da Bahia, serão expostas no I Fórum de Arte: ensino e formação na UNEB. O evento, que acontece nos dias 3 e 4 de maio, no Campus I da Universidade Estadual da Bahia, em Salvador, foi idealizado com o objetivo de propor a reflexão sobre o ensino da Arte no Brasil e na Bahia, levando em conta o atual momento político educacional brasileiro e a legislação vigente. Durante o fórum, aBanda Juventude Parqueana e o Grupo Streat Dance, do Centro Educacional Carneiro Ribeiro – Escola Parque, fazem apresentações artísticas.

A coordenadora de Projetos Intersetoriais da Secretaria da Educação do Estado, Nide Nobre, fala sobre a importância da participação dos estudantes da rede estadual no fórum de arte da UNEB por meio das suas obras de artes visuais selecionadas no V Encontro Estudantil de 2017. “Não é a primeira vez que somos convidados para participar de fóruns ligados às artes e à cultura, na própria UNEB e em outras instituições de ensino, como a UFBA (Universidade Federal da Bahia), e em eventos nacionais, a exemplo da SBPC (Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência). São oportunidades importantes para mostrarmos a produção artística-cultural estudantil da rede estadual e significa reconhecimento do trabalho educacional que a Secretaria da Educação vem realizando no âmbito do ensino contemporâneo da Educação do século XXI”.

O I Fórum de Arte: ensino e formação na UNEB integra a programação da V EXPOTUDO, promovida pela Assessoria Especial de Cultura e Artes da UNEB. O evento é destinado a professores universitários de Arte e do Ensino Básico; coordenadores de cursos de Pedagogia; estudantes; egressos do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (PARFOR); e demais interessados. Temas como “O componente curricular Arte na formação docente do pedagogo na UNEB” e “Práticas pedagógicas em Arte” serão abordados, com destaque para a conferência “O curso de Arte no Brasil pós golpe 2016”, que será ministrada pelo presidente da Associação Brasileira de Educação Musical (ABEM), Marcos Vinícius Pedreira.

Obras do AVE que estarão em exposição:

“Escravamente” – de Ítalo Souza Silva, 2º ano Ensino Médio, Colégio Estadual Luiz Viana Filho. Irecê. NTE 1

“Tatu em alumínio” – de Marcos Marino da Silva Santos, Tempo Formativo III Eixo VII,Colégio Estadual Getúlio Vargas. Casa Mova. NTE 10.

 “A rosa sem cor” – de Jamille Graciete Souza Ribeiro, 2ºano Ensino Médio, Colégio: Estadual do Rio do Antônio. Caetité. NTE 13. 

“Alaidão” – de Nilvan Morais Silva, 2º ano Ensino Médio, Colégio Estadual Professora Aydil Lima dos Santos. Piritba. NTE 14.

“Isso é cagado e cuspido: paisagem do meu Nordeste” – de Maurício Ribeiro Santos, 3º ano, Colégio Estadual Castro Alves, Adustina – Ribeira do Pombal. NTE 17.

 “Desempregado” – de Nicolas Rodrigues Gonzaga, 5º ano Ensino Fundamental. Colégio Educandário Imaculado Coração de Maria. Amélia Rodrigues. NTE 19.

 “Mosaico Bob Marley” – de André Vieira de Oliveira, 2º ano do Ensino Médio, Colégio Estadual Rafael Spínola Neto. Vitória da Conquista. NTE 20.

“O ópio social” – de Lisandra Pereira Ferreira da Silva, 3º ano Ensino Médio, Colégio Estadual João Galvão Sobrinho. Itamari. NTE 22.

“As estudantes” – de Yasmim Ferreira Ricardo, 3º ano Ensino Médio, Colégio Estadual Henriqueta Martins Catharino. Salvador. NTE 26.

“O tempo” – de David Allan Brito de Oliveira, 1º ano Ensino Médio, Colégio: Estadual Luís Eduardo Magalhães. Porto Seguro. NTE 27.

 

Foto: Ilustração

Professores e profissionais da Educação podem se inscrever gratuitamente no Virtual Educa Internacional Bahia 2018

VirtualEduca(1)

Os professores e profissionais de Educação das redes estadual, municipal e federal do Estado da Bahia podem se inscrever gratuitamente para participar do XIX Encontro Internacional Virtual Educa, um dos maiores encontros internacionais de tecnologia aplicada à Educação da América Latina, que será realizado, pela primeira vez na Bahia, entre os dias 4 a 8 de junho. As inscrições devem ser feitas até o dia 20 de maio, através do link <virtualeduca.org/bahia2018/inscripcion/>  ou pelo Portal da Educação: www.educacao.ba.gov.br.

Também seguem abertas, até o dia 30 de abril, as inscrições para que educadores de todo o Brasil possam apresentar trabalhos durante o Virtual Educa Bahia 2018. A seleção dos trabalhos será feita por uma comissão científica internacional e divulgada no dia 7 de maio. A inscrição é gratuita e deve ser realizada on-line, no endereço <virtualeduca.org/encuentros/bahia2018/PT/ponencias> ou pelo Portal da Educação.  Após a comunicação dos trabalhos selecionados para a apresentação no evento, os autores terão um prazo para confirmar a participação, bem como para solicitar revisões de possíveis erros. O resultado final dos selecionados será publicado no dia 11 de maio e a programação geral do encontro, no dia 25 de maio.

O Virtual Educa reunirá grandes personalidades da área de Educação do Brasil, da América Latina, Caribe e da África e terá como tema “Educação para transformar a sociedade em um espaço multicultural único”. As atividades acontecerão no novo Centro de Formação e Eventos da Secretaria da Educação do Estado da Bahia, a ser inaugurado no antigo ICEIA, no bairro do Barbalho, em Salvador. Paralelamente, o Virtual Educa envolverá o Fórum Global de Educação e Inovação “Cooperação Sul-Sul” voltado para representantes governamentais e de instituições internacionais, a ser realizado no Porto de Salvador.

virtualEduca2

Sustentabilidade – O Virtual Educa opera por meio de uma aliança de organizações internacionais, agências multilaterais e instituições públicas e privadas, reunindo os setores público, empresarial, acadêmico e da sociedade civil. A 19ª edição do Encontro marcará o lançamento do programa Think Blue, do Banco Mundial, que visa estabelecer um marco mundial sobre a economia do mar, com foco na sustentabilidade e na economia sustentável. No ano passado, o evento reuniu mais de 29 mil pessoas em Bogotá, na Colômbia.

Colegio Mestre Paulo dos Anjos - Foto Claudionor Jr

 

Anexos: Foto de Claudionor Jr e Ilustração

Estado inscreve para seleção REDA de professor da Educação Profissional para a capital e o interior

Estudantes do CETEP do Reconcavo participam da Expo Rural (16)

A Secretaria da Educação do Estado está com inscrições abertas, até o dia 23 de abril, para o processo seletivo de professores para a Educação Profissional e Tecnológica, pelo Regime Especial de Direito Administrativo (REDA). São ofertadas 130 vagas, sendo 100 para professores que irão atuar no Eixo Tecnológico de Produção Cultural e Design e 30 para o Eixo Recursos Naturais. As inscrições são feitas, exclusivamente, pelo site.

A oferta para o Eixo Recursos Naturais é para professores que irão atuar no curso técnico de nível médio em Agroecologia, nos Centros Estaduais (CEEP) e Territoriais (CETEP) de Educação Profissional e anexos, localizados nos municípios de Itaitê, Wagner, Conceição do Coité, Itaberaba, Barra do Choça e Conceição do Almeida. Estes cursos são ofertados em regime de alternância, por meio do qual os alunos ficam parte do período interno na unidade escolar e parte nas suas comunidades.

Já os professores do Eixo Tecnológico de Produção Cultural e Designer irão atuar nos cursos de Canto, Cenografia, Composição e Arranjo, Comunicação Visual, Conservação e Restauro, Dança, Figurino Cênico, Instrumento Musical, Multimídia, Processos Fotográficos, Produção de Áudio e Vídeo, Publicidade, Regência e Teatro, ofertados tanto nos Centos de Educação Profissional quanto no projeto Escolas Culturais, em vários Territórios de Identidade da Bahia.

Os interessados devem possuir diploma devidamente registrado de conclusão de curso de nível superior em instituição reconhecida pelo Ministério da Educação, de acordo com a função e/ou área de atuação. O processo seletivo simplificado será constituído de uma única etapa – avaliação curricular -, de caráter eliminatório e classificatório. O resultado provisório dos candidatos habilitados será divulgado no dia 25 abril, no Portal da Educação, com prazo para recursos abertos nos dias 26 e 27 de abril. A relação definitiva dos candidatos habilitados será divulgada no dia 4 de maio, para que encaminhem a documentação de comprovação da avaliação curricular.

Acesse o edital no Portal da Educação.

 

 

Foto: Ilustração/ Claudionor Jr

Estudantes de Jequié realizam estudo e homenageiam a cultura indígena

Com o objetivo de valorizar a cultura e as tradições indígenas, os estudantes do 1º ano do Ensino Médio do Colégio Estadual Maria José de Lima Silveira, em Jequié, no Sudoeste baiano, estão realizando, a partir desta segunda até quinta-feira (16 a 19), a Semana Indígena, com uma programação especial em homenagem do Dia do Índio. A atividade interdisciplinar é resultado das disciplinas Projeto de Vida e Mundo do Trabalho, dentro da modalidade Educação em Tempo Integral, que é ofertada pela unidade escolar e que envolveram discussões, documentário e exposição de materiais indígenas.

Até quinta-feira serão realizadas palestras e apresentações de dança, teatro e poesia, bem como jogos indígenas. Em História, serão feitas reflexões sobre os povos indígenas na atualidade e suas contribuições para a construção da identidade brasileira. Já na disciplina de Língua Portuguesa, os estudantes farão uma leitura dos mitos indígenas, suas linguagens e as influencias dos seus falares para o vocabulário brasileiro. As questões demográficas e as etnias existentes no Brasil; o grafismo indígena, o artesanato, os adereços, a dança e os cantos; e a vivência dos povos indígenas no trabalho dentro e fora das aldeias serão debatidos, respectivamente, pelas áreas de Geografia, Artes e Mundo do trabalho e cidadania.

A professora Idália Lino Santos, destaca que, graças à oficina realizada na semana passada, os estudantes estão participando da Semana Indígena com uma nova visão sobre o povo indígena. “Fizemos um trabalho muito valioso, pois a nossa oficina se propôs justamente a mostrar aos alunos que o indígena é um ser humano que tem a sua própria cultura, como temos a nossa, e que, como nós, está em todos os setores da sociedade: na escola, na universidade, no mundo do trabalho”, avalia a educadora.

A estudante Kailane Gomes Santos, 14, conta que ela tinha uma visão caricaturada do indígena. “A ideia do índio com penas na cabeça, pinturas corporais e colares foi desconstruída com este trabalho. Foi muito importante conhecer essa etnia de forma real porque a realidade é que o indígena está em todos os lugares e pode conviver com a gente como qualquer ser humano”, afirmou. O colega Bruno de Jesus, 18, também dá a sua opinião: “Achei muito interessante a promoção da oficina porque tinha uma visão bem diferente sobre o povo indígena. Com esse trabalho, aprendi que ele é como a gente, apenas tem uma etnia diferente da nossa. E, como nós, tem que ser respeitado como cidadão, seja na escola, na universidade, na rua, no mundo do trabalho”.

Reflexão e aprendizado – O trabalho com a temática indígena realizado na unidade escolar tem como inspiração a funcionária administrativa Eliana Pataxó, que fala sobre a importância da iniciativa. “Compreendo que a escola é o espaço onde pode ser discutido o tema, proporcionando aos estudantes conhecer as diferenças culturais dos povos étnicos indígenas para apreender a respeitá-los”, considera.

 

Fotos: Divulgação

Secretaria da Educação do Estado realiza seleção REDA para professor da Educação Profissional

10770(1)

Com a política de ampliação na oferta de cursos da Educação Profissional e Tecnológica para o ano letivo de 2018, o Governo do Estado abriu seleção para 100 professores, no Regime Especial de Direito Administrativo (REDA), com carga horária de 20h, dentro do Eixo Tecnológico de Produção Cultural e Design. A iniciativa vai preencher as vagas originadas da nova estruturação da rede, que passou a ofertar 14 cursos só neste eixo, o dobro em relação a 2017. As inscrições encerram no dia 23 de abril e podem ser feitas pelo site selecao.ba.gov.br.

 

Os interessados devem possuir diploma devidamente registrado de conclusão de curso de nível superior em instituição reconhecida pelo Ministério da Educação, de acordo com a função e/ou área de atuação. O Processo Seletivo Simplificado será constituído de uma única etapa, avaliação curricular, de caráter eliminatório e classificatório. As vagas são disponibilizadas nos Centros de Educação Profissional, em todo o Estado.

 

Os professores vão atuar, entre outras atribuições, em programas estaduais e federais de Educação Profissional, bem como em cursos em regime de alternância. Também irão participar da elaboração da proposta pedagógica e do plano de desenvolvimento do estabelecimento de ensino, além de elaborar e cumprir plano de trabalho e de aula, segundo a proposta pedagógica do estabelecimento de ensino.

 

O resultado provisório dos candidatos habilitados será divulgado no dia 25 abril, no Portal da Educação, com prazo para recursos abertos nos dias 26 e 27 de abril. A relação definitiva dos candidatos habilitados será divulgada no dia 4 de maio, para que encaminhem a documentação de comprovação da avaliação curricular.

Aula técnica de Enfermagem no HGE - Nadjane

 

Novidade - A partir deste ano, a rede passou a ofertar os seguintes cursos no Eixo Tecnológico de Produção Cultural e Designer: Canto, Cenografia, Composição e Arranjo, Comunicação Visual, Conservação e Restauro, Dança, Figurino Cênico, Instrumento Musical, Multimídia, Processos Fotográficos, Produção de Áudio e Vídeo, Publicidade, Regência e Teatro. Com isso, a oferta passou de cinco para 16 Núcleos Territoriais de Educação (NTE), de oito para 23 municípios e de 11 para 18 unidades escolares, sendo 11 dentro do projeto Escolas Culturais.

 

Matriz curricular - Outra novidade é a reformulação do currículo com a redução de carga-horária, tendo em vista que os cursos passam a ser ofertados em um ano, e com a inserção de novas disciplinas, como as de Empreendedorismo e Intervenção Social e Política e Gestão Cultural. A disciplina de Empreendedorismo e Intervenção Social está voltada para a difusão da prática de empreendedorismo em diversos setores da cultura, conscientizando os alunos sobre a dinâmica econômica do setor cultural, envolvendo conceitos da economia da cultura. Já a disciplina de Política e Gestão Cultural visa estimular o estudante por meio de reflexões e práticas sobre o universo da cultura na contemporaneidade, realizando uma maior aproximação com seus Territórios de Identidade e com temas ligados às culturas brasileiras e baianas, às políticas culturais, além da organização da cultura (gestão, planejamento, programação, produção).

 

Convocação – Para a Educação Básica, a Secretaria da Educação está  convocando os candidatos aprovados nos processos seletivos realizados em 2017, pelo REDA, para professores e profissionais da Educação. As convocações acontecem mediante publicações de editais no Diário Oficial do Estado (DO). Até o momento, a Secretaria já convocou 5.524 educadores. A orientação é para que os aprovados compareçam, imediatamente, ao Núcleo Territorial de Educação (NTE) para os quais foram convocados, para os procedimentos necessários à contratação e encaminhamento às unidades escolares que possuem vaga para assumirem suas funções. Os editais de convocação podem ser conferidos no Portal da Educação: http://institucional.educacao.ba.gov.br/selecaoconcursos

 

Concurso – Para ampliar o quadro e investir, ainda mais, na carreira do magistério estadual, a Secretaria também realizou o concurso público para 3.760 vagas de professores e coordenadores pedagógicos, em 2018. O processo está em andamento. A lista dos classificados nas provas objetivas e discursiva foi divulgada no Diário Oficinal de sábado (14). O resultado final será divulgado no dia 12 de junho.

 

 Foto: Ilustração/ Claudionor Junior

Secretaria da Educação do Estado convoca aprovados em seleção REDA em toda a Bahia

seleçaoProfessor015

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia está convocando os candidatos aprovados nos processos seletivos realizados, em 2017, pelo Regime Especial de Direito Administrativo (REDA), para professores e profissionais da Educação. As convocações acontecem mediante publicações de editais no Diário Oficial do Estado (DO). Até o momento, a Secretaria já convocou 5.524 educadores.

A orientação é para que os aprovados compareçam, imediatamente, ao Núcleo Territorial de Educação (NTE) para os quais foram convocados, para os procedimentos necessários à contratação e encaminhamento às unidades escolares que possuem vaga para assumirem suas funções. Os editais de convocação podem ser conferidos no Portal da Educação.

Inicio das Aulas no Colegio David Mendes em 2017 080

Para ampliar o quadro e investir, ainda mais, na carreira do magistério estadual, a Secretaria realizou o concurso público para 3.760 vagas de professores e coordenadores pedagógicos, em 2018, com resultado final a ser divulgado no dia 12 de junho.

Foto: Ilustração/ Claudionor Junior